Sexta-feira, 17 de Junho de 2011

ARQUIVO SECRETO DO VATICANO

 

 

ARQUIVO SECRETO DO VATICANO
DOCUMENTAÇÃO PORTUGUESA
OBRA MONUMENTAL EM 3 TOMOS

 

Há bibliotecas e arquivos míticos que têm suscitado as mais fantásticas histórias e alimentado diversíssimos livros de ficção muito lidos mundialmente.

O Arquivo Secreto do Vaticano é imaginado correntemente como um dos arquivos mais secretos do mundo. Tão mitificado como este Arquivo talvez possa ombrear em fama a Biblioteca de Alexandria, a maior biblioteca da Antiguidade destruída por um incêndio.

Na realidade, aquela que era a Biblioteca privada do Papa, o Arquivo Secreto do Vaticano, tem acumulado, ao longo dos séculos, informação preciosa acerca dos dois mil anos de história da Igreja nas suas relações com o mundo.

Com esta obra pretende-se levantar um pouco o véu desse imenso arquivo e revelar documentação pouco conhecida relativa ao período da Expansão Portuguesa, desde o século XV ao século XX.

Preparados por uma vasta equipa de investigadores durante cerca de década e meia que pesquisou o fundo da Nunciatura de Lisboa patente no Arquivo Secreto do Vaticano, estes volumes revelam-se de grande importância para quem se interessa pelo conhecimento da história, da política, da religião e da sociedade no âmbito das relações de Portugal e as grandes regiões do seu chamado Império Ultramarino.

Esta é uma obra de grande fôlego. Pode ser considerada uma espécie de base de dados notável resultante do processo de expansão mundial do Cristianismo por via portuguesa que operou aquilo que podemos chamar a primeira época da globalização das relações entre os povos.

publicado por mhp às 13:37
link do post | comentar | favorito

Projecto “Às terças na sacristia do Mosteiro de Alcobaça”

O Projecto intitulado “Às Terças na Sacristia do Mosteiro de Alcobaça” visa a dar a conhecer a história do Mosteiro de Santa Maria de Alcobaça, bem como o património móvel e edificado que lhe está associado.Desta forma, se divulgarão os trabalhos de investigação desenvolvidos pelos Técnicos Superiores deste serviço do IGESPAR, IP.


As temáticas são variadas e abrangentes, incluindo áreas como a História, a Arte, a Arquitectura, a Conservação e Gestão de Colecções, e o Acervo da Casa – Museu Vieira Natividade.


A apresentação das conferências decorrerá, no espaço da Sacristia Nova, de acordo com a calendarização que se segue, estando o seu início marcado para as 16h30.

 

A entrada é livre.


Inscrições pelo telefone: 262 505 120.

 

Fonte: IGESPAR

publicado por mhp às 13:24
link do post | comentar | favorito

Exposição “Brinquedos Portugueses do séc. XX”, patente na Sala dos Azulejos do Museu Municipal de Esposende

 

 

Exposição “Brinquedos Portugueses do séc. XX”, patente na Sala dos Azulejos do Museu Municipal de Esposende até 31 de Julho. 

 

A exposição integra-se nas comemorações do centenário do edifício onde se instala o museu, o Teatro Club de Esposende, que em 1911 inaugurava uma relação da sociedade civil, então quase analfabeta e iletrada, com a Cultura e a Educação (popular e erudita) numa relação privilegiada com a Arte, Musica, Dança, Teatro e Cinema, e que passados 100 anos, entretanto convertido o uso do edifício para fins museológicos, lança agora o desafio para um olhar mais atento à realidade da Associação de Pais Professores e Amigos do Cidadão Deficiente Mental – APPACDM, a pretexto do brinquedo, da infância e dos valores sociais em torno da pessoa com deficiência intelectual, empenhando-se no apoio de actividades e iniciativas que visem o conhecimento sobre esta realidade, promovendo junto da sociedade civil novos valores para uma melhor e maior cidadania.


As visitas guiadas acontecem de Terça a Sexta, das 10.00h às 13.00h e das 14.00h às 17.30h. O museu pode ser visitado ao sábado, domingo e feriados locais 15 e 19 de Agosto, das 15.00h às 18.30h. Está encerrado às segundas e restantes feriados.

publicado por mhp às 13:22
link do post | comentar | favorito

FAUP lança Curso de Estudos Avançados em Património Arquitectónico

Entre os dias 15 de Junho e 15 de Julho de 2011, estão abertas as candidaturas ao Curso de Estudos Avançados em Património Arquitectónico (CEAPA), promovido pela Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto.


O CEAPA visa proporcionar formação especializada de nível pós-graduado (terceiro ciclo) na área do restauro, recuperação e reabilitação do património construído, que assegure a aquisição de competências e aptidões relevantes para as actividades de projecto e de investigação na área da salvaguarda do património arquitectónico.

 

Mais informações em www.arq.up.pt

tags: ,
publicado por mhp às 13:20
link do post | comentar | favorito

Classificação de Imóveis

Ministério da Cultura – Gabinete do Secretário de Estado da Cultura

Classifica a Casa dos Barros, situada no concelho de Sabrosa, distrito de Vila Real, e a Garagem do Jornal O Comércio do Porto, situada no concelho e distrito do Porto, como monumentos de interesse público e fixa as respectivas zonas especiais de protecção e classifica o conjunto urbano constituído pela Praça da Liberdade, Avenida dos Aliados e Praça do General Humberto Delgado, situadas no concelho e distrito do Porto, como conjunto de interesse público

Portaria n.º 582/2011. D.R. n.º 113, Série II de 2011-06-14

 

 

 

 

Ministério da Cultura – Gabinete do Secretário de Estado da Cultura

Classifica o Mercado de Santana, situado no concelho e distrito de Leiria, o Convento de Nossa Senhora do Carmo de Tentúgal, situado no concelho de Montemor-o-Velho, distrito de Coimbra, e a Igreja de São Bartolomeu, situada no concelho e distrito de Coimbra, como monumentos de interesse público e fixa as respectivas zonas especiais de protecção

Portaria n.º 581/2011. D.R. n.º 113, Série II de 2011-06-14

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por mhp às 13:07
link do post | comentar | favorito

Lançamento do livro «Receitas da Casa do Mosteiro de Landim»

Lançamento do livro «Receitas da Casa do Mosteiro de Landim». Dia 18 de Junho, Sábado, 16h30m, na Casa do Mosteiro de Landim (Famalicão)


No dia 18 de Junho, Sábado, pelas 16h30m vai ser lançado em Famalicão, na freguesia de Landim, nos jardins da Casa do Mosteiro de Landim, o livro «Receitas da Casa do Mosteiro de Landim». A apresentação está a cargo das autoras dos textos de enquadramento do caderno de receitas – Maria Adelaide Sampaio da Nóvoa de Faria, sobrinha bisneta da autora do Livro de Receitas, e de Isabel Maria Fernandes, ex-directora do Museu de Alberto Sampaio e estudiosa da gastronomia minhota. Será servido um Porto de honra.

 

No livro que vai ser lançado reúne-se um conjunto de 187 receitas de doce retiradas do caderno manuscrito de Dona Maria Henriqueta Leal Sampaio, redigido entre final do século XIX e o primeiro quartel do século XX. Dona Maria Henriqueta Leal Sampaio era sobrinha do Historiador Alberto Sampaio, tendo a sua vida decorrido inicialmente em Guimarães, e, anos mais tarde, em Famalicão. Nesta cidade residiu na Casa de Boamense, e, mais tarde, na sua Casa do Mosteiro de Landim, propriedade onde viria a falecer.

publicado por mhp às 13:05
link do post | comentar | favorito

Túmulo nos Jerónimos poderá não conter os restos mortais de Camões

 

Vítor Aguiar e Silva, académico e investigador que se tem dedicado aos estudos camonianos, explicou à Lusa que, “com grande probabilidade, as ossadas guardadas no mausoléu dos Jerónimos “não são de Camões”.
O poeta terá sido sepultado na Igreja de Sant’Ana, em Lisboa, próxima da casa onde vivia a sua mãe, na calçada de Santana, mas “não se sabe exactamente onde foi colocado o cadáver, se dentro, se fora da igreja ou se até numa fossa”, sublinhou Aguiar e Silva.
Supõe-se que teria ficado sepultado do lado esquerdo da entrada principal da igreja e, anos mais tarde, D. Gonçalo Coutinho mandou colocar no local uma lápide de mármore em que refere Camões como “Príncipe dos Poetas do seu tempo”, que faleceu em 1579.
Vítor Aguiar e Silva afirmou à Lusa que “a memória falha”, o que justifica o engano no epitáfio do poeta, dando antes crédito ao documento da chancelaria de Filipe I (II de Espanha) que atribui uma tença à mãe de Camões e afirma que este morreu a 10 de Junho de 1580.
No entanto, desde o sepultamento, em 1580, à trasladação, três séculos depois, deu-se o terramoto de 1755, que destruiu muito a igreja, que foi ainda alvo, posteriormente, de obras para a construção de um coro alto.
Para Aguiar e Silva, “no estreito rigor histórico” ninguém sabe ao certo onde estão os restos mortais de Camões e “há as maiores dúvidas” que se encontrem na arca tumular nos Jerónimos, de autoria de Costa Mota Pio, onde invariavelmente Chefes de Estado e estadistas cerimoniosamente colocam coroas de flores quando visitam Portugal.
Os restos mortais do autor de “Os Lusíadas” foram transladados em 1880 para o Mosteiro dos Jerónimos, numa altura de exaltação patriótica a que não foi alheia a propaganda republicana que já se fazia sentir.
Uma comissão foi constituída e encarregada por Rodrigo da Fonseca, então ministro do Reino, de encontrar as ossadas do lírico e lhe dar sepultura digna, o que veio a acontecer no tricentenário da sua morte (1880).
Todavia, como alerta Aguiar e Silva, “até a própria comissão tem dúvidas da autenticidade do que trasladou”.
(…)

Fonte: Público, 09.06.2011

publicado por mhp às 13:04
link do post | comentar | favorito

Exposição “Arqueologia do Concelho de Oeiras: do Paleolítico Inferior arcaico ao século XVIII”

 

 

 

 

publicado por mhp às 13:03
link do post | comentar | favorito

Seminário “O AMbiente Digital Aberto: desafios e impactos”

Já se encontram disponíveis algumas das apresentações realizadas pelos oradores no Seminário “O AMbiente Digital Aberto: desafios e impactos”, que se realizou nos passados dias 23 e 24 de Maio na Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva em Braga.

 

Poderá consultá-las em:  http://ambientedigitalaberto.wordpress.com/apresentacoes/

publicado por mhp às 13:00
link do post | comentar | favorito

“Casa Portuguesa” vai surgir em aldeia do concelho de Penela

Uma “casa portuguesa”, espaço que congregará produtos nacionais, vai ser inaugurada em setembro na aldeia de Ferraria de São João, no concelho de Penela, anunciou hoje a Câmara Municipal local.


A reconstrução, a partir de uma casa de pedra, começou em outubro de 2010, dando corpo a um espaço “onde se conjugam os elementos tradicionais de construção com as linhas simples da arquitetura contemporânea”.


A casa “será uma montra dos melhores produtos nacionais, desde materiais de construção, a mobiliário, decoração interior e exterior, instrumentos de lazer e obras de arte”, adianta uma nota da autarquia.


A finalidade da “Casa Portuguesa”, situada numa “Aldeia do Xisto”, é o aluguer temporário e atividades de promoção das artes rurais, de produtos portugueses e dos recursos naturais endógenos.

 

Fonte: Notícias do Centro

publicado por mhp às 12:58
link do post | comentar | favorito

Ruínas romanas de Tróia reabrem ao público

 

 

Classificadas como monumento nacional desde 1910, aquelas ruínas incluem estruturas com cerca de dois mil anos de história.


As ruínas romanas de Tróia são, na opinião de Jorge Alarcão, presidente da comissão científica que estudou o espaço, “a mais antiga zona arqueológica a ser escavada, ainda no tempo em que a rainha D. Maria I era infanta”, sendo alvo de pesquisas e estudos ao longo de mais de 400 anos.


O espaço que agora fica disponível para ser visitado inclui uma zona residencial, termas, necrópoles, um mausoléu e uma basílica paleocristã, inseridos num “complexo de produção de salgas de peixe que, posteriormente, se tornou um aglomerado urbano”, conforme explica Inês Vaz Pinto, que coordenou a equipa de arqueólogos.


As visitas têm um custo entre os quatro e os 7,5 euros, por pessoa. As visitas escolares são gratuitas.

 

Fonte: Público, 02.06.2011

publicado por mhp às 12:57
link do post | comentar | favorito

Recuperação do Teatro do Bolhão tem verba garantida e começa ainda este mês

 

 

O ministério da Cultura garantiu os 300 mil euros que faltavam para a recuperação do Palácio Teatro do Bolhão, no Porto, e as obras no edifício classificado começam ainda este mês, revelou à Lusa Pedro Aparício.


O director da Academia Contemporânea do Espetáculo (ACE) garantiu que “está assegurada, por contrato, a contrapartida nacional” que faltava para garantir a candidatura da obra de recuperação a verbas do Quadro de Referência Estratégico Nacional (QREN).


Estavam já assegurados 700 mil euros de fundos comunitários para avançar com a segunda fase da recuperação do Palácio, mas faltava a contrapartida nacional, recorda Pedro Aparício.

 

Fonte: RTP

publicado por mhp às 12:55
link do post | comentar | favorito

Orientações para a Descrição Arquivística disponibilizadas para discussão pública

A DGARQ tem vindo a desenvolver, desde há dois anos, a  revisão às Orientações para a Descrição Arquivística (ODA) as quais irão assim ser objecto da uma  terceira edição.


Neste momento foi disponibilizada para comentários públicos uma versão draft disponível em: http://descricaoarquivistica.blogspot.com.


O fim do período de tempo previsto para finalização dos comentários públicos é 15 de Setembro do presente ano. Os comentários poderão ser inseridos neste blog ou enviados por correio eletrónico para oda@dgarq.gov.pt.


O documento com o texto integral poderá ser consultado em formato pdf  no seguinte endereço:
http://dgarq.gov.pt/files/2008/08/ODA_v_3_0-12.pdf

publicado por mhp às 12:53
link do post | comentar | favorito

Curso de Versão: "FILMMAKING, COMPUTER GRAPHICS AND MULTIMEDIA PERFORMANCE FOR CULTURAL HERITAGE", a ter lugar em Ravena, Itália, de 24 a 31 de Junho

Curso de verão "FILMMAKING, COMPUTER GRAPHICS AND MULTIMEDIA PERFORMANCE FOR CULTURAL HERITAGE", a ter lugar em Ravena, Itália, de 24 a 31 de Junho.

 

Todas as informações disponíveis em http://www.cbc.unibo.it/Beni+Culturali/Didattica/Summer+e+winter+school/SummerFilm.htm.

publicado por mhp às 12:50
link do post | comentar | favorito

Site do Secretariado Nacional para os Bens Culturais da Igreja

Foi adicionado à secção de links, o link do site do SECRETARIADO NACIONAL PARA OS BENS CULTURAIS DA IGREJA. É um site muito interessante e de consulta obrigatória para quem se debruça sobre a arte sacra e todos os campos que envolvem a Igreja Crista. 

 

O link é http://www.bensculturais.com/page1.php   

 

Subscrevem a Newsletter.

 

 

 

 

 

 

publicado por mhp às 12:44
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 3 de Junho de 2011

“Espólio artístico das Misericórdias é de carácter civil” – conclusão no âmbito do inventário realizado pela União das Misericórdias Portuguesas

O espólio artístico das Misericórdias portuguesas é maioritariamente civil. A conclusão surge no âmbito do inventário realizado pela União das Misericórdias Portuguesas (UMP). Apenas 35 por cento das peças são de carácter religioso, afirmou um dos responsáveis pelo Gabinete do Património Cultural da UMP, Miguel Loureiro. Este e outros números foram apresentados em Guimarães, na segunda edição do Dia do Património das Misericórdias, a 6 de Maio.


Até ao momento, afirmou Miguel Loureiro, cerca de 25 por cento das Misericórdias já foram inventariadas, mas o objectivo é levar o projecto a todas. Contudo, destacou, “o inventário não é algo que se esgota em si mesmo”. Sendo uma medida fundamenta, não é suficiente, visto que o património cultural deve ser divulgado, estudado e potenciado.


E em jeito de estudo, os números do inventário até agora realizado permite vislumbrar as principais características do espólio das Santas Casas. Apenas 35 por cento das peças têm a ver com arte sacra, relata aquele responsável, destacando também que pintura, mobiliário e escultura são os registos mais frequentes, cerca de 56 por cento do total de peças.


Outro dado interessante está relacionado com equipamento hospitalar. No Norte, ao fim do inventário de 28 Santas Casas, foram encontradas apenas 21 peças. No Alentejo, onde as Misericórdias começaram recentemente a ser inventariadas, já há conhecimento de mais de mil peças.

 

Fonte: União das Misericórdias Portuguesas

publicado por mhp às 20:16
link do post | comentar | favorito

Nova versão de Ficha de Sítio/trabalho Arqueológico

Encontra-se disponível uma nova versão da Ficha de Sítio/Trabalho Arqueológico que já pode ser preenchida e impressa.


Para guardar é necessário um software que permita criar documentos em PDF. 

 

Para o preenchimento da Ficha recomenda-se a consulta das respectivas instruções.

 

Fonte: IGESPAR

publicado por mhp às 20:14
link do post | comentar | favorito

Seminário “Os Arquivos como elemento estruturante e dinamizador da Modernização Administrativa”

No próximo dia 9 Junho comemora-se o Dia Internacional dos Arquivos, data instituída e celebrada desde 2007. Neste sentido, inserido nas comemorações metropolitanas do DIA, será realizado um Seminário subordinado ao tema “Os Arquivos como elemento estruturante e dinamizador da Modernização Administrativa”, tendo como destinatários: profissionais da área de Arquivos, investigadores e alunos das áreas de: Arquivo, Ciência da Informação, Administração Pública, Modernização Administrativa e Tecnologias da Informação.


O evento terá lugar no Auditório da Casa do Infante, Porto, no próximo dia 09 de Junho, durante a manhã, e contará com a participação de individualidades nacionais ligadas ao mundo dos Arquivos, da Simplificação Administrativa e dos Sistemas de Informação e Comunicação. Entre outros destacamos a presença de representantes da Direcção Geral de Arquivos (DGARQ), da Universidade do Porto, do Arquivo Distrital do Porto, bem como dos Municípios da AMP.

publicado por mhp às 20:12
link do post | comentar | favorito

IGESPAR prevê lançar concurso internacional para hotel no Mosteiro ainda em 2011

O presidente da Câmara Municipal de Alcobaça convocou uma conferência de imprensa, no dia 20 de Maio, para fazer um ponto da situação sobre o processo de instalação de um hotel de luxo no Mosteiro de Alcobaça. Paulo Inácio revelou que recebeu uma resposta por escrito do IGESPAR em que este garante estar previsto o lançamento do concurso internacional para as obras de adaptação do Claustro do Rachadouro a unidade hoteleira ainda no decorrer de 2011.


Neste momento, o IGESPAR aguarda que a Comissão Nacional da Unesco emita um parecer obrigatório sobre o projecto de arquitectura de adaptação do Claustro do Rachadouro a hotel, que deverá dispor de, pelo menos, 60 quartos.


(…)

 

Fonte: Tinta Fresca

publicado por mhp às 20:11
link do post | comentar | favorito

Ministros da Cultura acordam sobre marca “Património Europeu”

Os ministros da Cultura da União Europeia acordaram lançar a marca “Património Europeu”, com o objectivo de destacar sítios que celebrem e simbolizem a história, os valores e o desenvolvimento da União Europeia.


Complementando outras marcas já existentes, nomeadamente “Património Mundial da Humanidade”, da UNESCO, a nova designação deverá ser atribuída aos sítios europeus em 2013. O processo de selecção arranca com a designação voluntária de quatro sítios por parte dos Estados-Membros, cabendo a peritos independentes a responsabilidade de avaliar as candidaturas que devem obter a marca.


A partir de 2015, a selecção terá lugar de dois em dois anos e os Estados-Membros passam a poder designar um máximo de dois sítios de cada vez, sendo que o júri seleccionará um máximo de um sítio por país.

 

Fonte: Norte em Rede

publicado por mhp às 20:10
link do post | comentar | favorito

3º Festival Internacional do Património Cultural Intangível

Até ao próximo dia 11 de Junho, irá decorrer, na China, o 3º Festival Internacional do Património Cultural Intangível. Durante este evento, serão realizadas mais de 280 actividades culturais.

 

Para mais informações:
http://news.cultural-china.com/20110530092554.html

publicado por mhp às 20:08
link do post | comentar | favorito

Dia Internacional dos Arquivos - 9 de Junho - Visita ao Arquido Distrital do Porto

 

No Dia Internacional dos Arquivos, o Arquivo efectua visitas guiadas aos seus serviços.

Realizadas em grupos de pequena dimensão,  incluem a apresentação do Arquivo e das actividades profissionais associadas.


Horário  10h e 15h.

Duração  1:30h (aprox.)

Inscrição  gratuita, preferencialmente por correio electrónico para info@adporto.pt , indicando : hora pretendida (10h ou 15h), nome, idade, habilitações académicas, actividade, correio electrónico (preferencialmente) ou outros contactos (endereço ou telefónico).

 

Notas

O n.º de visitantes é limitado, pelo que é necessário a indicação de contacto para confirmar a inscrição.

Os dados recebidos destinam-se apenas a gerir a formação dos grupos e a preparar a visita.

A inscrição poderá também ser efectuada presencialmente, por correio ou telefone.

Ao longo do ano o Arquivo aceita inscrições de grupos para visitas, geralmente de instituições de ensino ou formação profissional.

No dia 9 de Junho serão aceites apenas inscrições individuais.

 

Esta iniciativa tem o apoio da Associação de Amigos do Arquivo Distrital do Porto

 

 

publicado por mhp às 20:04
link do post | comentar | favorito

.Informações sobre o MHP

.pesquisar

 

.Abril 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.links

.arquivos

. Abril 2012

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

.posts recentes

. NOVO ENDEREÇO DESTE BLOGU...

. Mudança de imagem e ender...

. Sidónio Pais vai ter Muse...

. Conferência Internacional...

. Jornadas Europeias do Pat...

. A Câmara do Porto quer co...

. Catálogo on-line da expos...

. Boletins Culturais de Vil...

. Elevador de Santa Justa c...

. Jornadas Europeias do Pat...

. Descobertos nos Açores pr...

. Braga: Turel ganha espaço...

. Biblioteca Nacional tem c...

. ON.2 promove rede de coop...

. Apresentação da Revista P...

. Museos.es – uma edição do...

. Santana classificada pela...

. Lançamento do livro “Alga...

. Produtos Artesanais – Doc...

. Criado “Roteiro” para pro...

. ...

. Biblioteca Britânica e Go...

. Museu Virtual do Porto de...

. Revista “Amigos de los Mu...

. FAUP lança Curso de Estud...

. Encontro Iberoamericano s...

. Curso livre sobre Arqueol...

. ARQUIVO SECRETO DO VATICA...

. Projecto “Às terças na sa...

. Exposição “Brinquedos Por...

. FAUP lança Curso de Estud...

. Classificação de Imóveis ...

. Lançamento do livro «Rece...

. Túmulo nos Jerónimos pode...

. Exposição “Arqueologia do...

. Seminário “O AMbiente Dig...

. “Casa Portuguesa” vai sur...

. Ruínas romanas de Tróia r...

. Recuperação do Teatro do ...

. Orientações para a Descri...

. Curso de Versão: "FILMMAK...

. Site do Secretariado Naci...

. “Espólio artístico das Mi...

. Nova versão de Ficha de S...

. Seminário “Os Arquivos co...

. IGESPAR prevê lançar conc...

. Ministros da Cultura acor...

. 3º Festival Internacional...

. Dia Internacional dos Arq...

. Instituto Andaluz do Patr...

.Últimos Comentários

Bom dia,O link está com um problema, que não permi...
Joana,O novo site ainda está em construção, mas o ...
Boa noiteGostaria de saber qual o novo endereço do...
Boa entrada, Paulo. Esta iniciativa seria um óptim...

.tags

. todas as tags